Produzido por Konami

Ano: 1989

Absurdamente clássico.

Por incrível que pareça, este jogo fez fila nos fliperamas em shoppings. É uma pena que hoje em dia os nossos “arcades” tenham morrido. Existe um no centro (aquele do “china”, em POA) e alguns outros em certos shoppings, mas todos com fichas super faturadas e máquinas de mais de 20 anos de idade. Uma lástima.😦

Será que um dia verei um Street Fighter 4 por aqui ? Óbvio que não, nem em sonho…

Bem, voltando à minha lembrança: TMNT foi fantástico. Acho que um dos primeiros jogos arcade a permitir quatro jogadores ao mesmo tempo. Lembro que a pirralhada brigava para pegar o Donatello, pois sua arma tinha maior alcance. Era cruel esperar na fila meia hora para jogar por alguns minutos, mas a experiência compensava.

Os comandos eram simples, um botão para pulo e outro para ataque. Quando usado os dois ao mesmo tempo, era executado um movimento especial, que poderia atirar o adversário longe.

Mesmo sendo antigo e focado em crianças (será?), este jogo era um tanto quanto desafiador. A partir da fase do esgoto era complicado ficar vivo (estou falando de uma ficha só, sem continues!). E por falar nesta fase, lembram da manha de caminhar bem na linha que acabava o piso e começava a água ? Ninguém acertava o personagem e era possível passar toda a fase assim.

Ainda havia um outro golpe: pular segurando o botão de pulo por alguns instantes, então acionar ataque (era diferente da voadora tradicional). Mas não tinha nada além disso, os controles eram simples. Outra variação era quando o robô do choque pegava alguém na primeira fase e tinha que esmurrar os controles para sair do seu “abraço”.

Alguns detalhes sutis criavam uma certa estratégia nas fases, como quebrar os postes e hidrantes na linha do inimigo, causando dano neles. Ah, e a pizza! 4 jogadores para pegar 1 pizza… Mesmo sendo criança já podíamos ter uma noção do caráter de cada um… pois sempre quem estava quase morrendo gritava: “Sai que a pizza é minha!”… Mas não adiantava, geralmente algum cretino, mesmo de vida quase cheia, corria na frente e pegava a dita cuja. Às vezes isso era motivo de choro e sapateado em público, se a criança fosse muito estressada.

Enfim, um clássico. Até hoje um grande jogo. Ouvi falar que saiu em XLA com multiplayer e tudo mais. Outra forma de matar a saudade: emuladores.

Depois deste vieram outros títulos semelhantes (e bons também) para SNES (e MegaDrive?). Mas as versões modernas 3D das tartarugas nunca prestaram muito… Quem dera a Konami fizesse uma volta ao passado e lançasse um novo jogo com visual moderno mas jogabilidade 2D.

“Cowabunga” !

 tmnt_arcade1 tmnt_arcade2TMNT